PRTG versus Nagios

https://network-king.net/wp-content/uploads/2022/08/shutterstock_669226183-769x414.jpg

When it comes to IT Monitoring Software, which is better PRTG or Nagios?

Você provavelmente já percebeu que a sua infraestrutura de TI está muito complexa. Não há nada a temer, pois reflete que sua empresa está crescendo.

Mas as coisas podem sair do controle se você confiar apenas na equipe de TI para monitorar tudo. A verdade é que a tarefa requer uma ferramenta abrangente para fornecer uma visão panorâmica de sua infraestrutura de TI.

Qual ferramenta escolher? Soluções líderes como Paessler PRTG e Nagios são incrivelmente competitivas em sua oferta de serviços.

O usuário médio pode nem notar a diferença à primeira vista. Mas, como um mergulho profundo na comparação revelará, há diferenças que tornam uma delas a melhor escolha para as suas necessidades.

Aqui, usaremos avaliações e classificações de diferentes fontes, independentes, para avaliar qual solução tem melhor desempenho. Também fornecemos nossos critérios de avaliação para manter as coisas justas e equilibradas.

Critérios de Avaliação

A verdade é que ambas as soluções são semelhantes em sua oferta principal de produtos/serviços. Podemos conseguir identificar problemas específicos relacionados ao monitoramento de largura de banda, monitoramento de tráfego, monitoramento de aplicativos etc. Mas isso nos ajudará pouco.

Por essa razão, analisamos também aspectos adicionais, mas significativos:

  1. Interface de usuário
  2. Preço
  3. Suporte
  4. Setup

Nagios versus Paessler PRTG

1.    Interface de usuário (UI)

Paessler PRTG

Com o Paessler PRTG, você obtém 3 interfaces de usuário diferentes:

  1. Interface Web: A interface da Web é o painel principal que você pode usar por meio do navegador. Fornece recursos completos de configuração e flexibilidade para gerenciar sua infraestrutura de TI.
PRTG Web Interface
PRTG Web Interface

Interface Desktop: Embora não tenha a intenção de ser a interface principal, a versão para desktop permite monitorar sua infraestrutura. Especialmente com servidores locais, a interface da área de trabalho pode ser muito útil.

PRTG Desktop interface
PRTG Desktop
  • Interface Móvel: O aplicativo móvel não possui a mesma capacidade de configuração. Mas ainda assim, pode ser uma ferramenta útil para se manter atualizado sobre qualquer problema e resolvê-lo instantaneamente.
PRTG Mobile Interface 1
PRTG Mobile Dashboard
PRTG Mobile Interface 2
PRTG Mobile Interface
Baixe a versão completa por 30 dias

Nagios XI

Por outro lado, o Nagios adota uma abordagem diferente para a aparência da interface. O Nagios XI é de código aberto e o front-end é feito por uma comunidade de desenvolvedores. Permite customização.

Como o PRTG, o Nagios também possui uma versão web, desktop e mobile.

Nagios XI Web Interface (Exfoliation Theme)
Nagios XI Web Interface (Exfoliation Theme)
Nagios XI Desktop Interface
Nagios XI Desktop Interface

Escolhendo o vencedor

Por ser open source tem vantagens como customização e controle. Mas pergunte a si mesmo: quanto valor isso agrega ao objetivo final do monitoramento de infraestrutura? Para muitos, a resposta pode ser “muito pouco”.

Administradores de TI não são designers de UI/UX. Podem pensar que estão melhorando a interface, mas isso pode aumentar as complicações para outros usuários da equipe. Em comparação, a interface do PRTG é simples e fácil de usar.

Baixe a versão completa por 30 dias

Dito isso, os usuários parecem satisfeitos com a interface do Paessler e do Nagios. As classificações para ambos os softwares em diferentes plataformas são as seguintes:

  1. On G2, users gave an 8.4 average rating to PRTG, while Nagios received an 8.8 average rating.
  2.  On Capterra, PRTG has a 4.4 average rating, while Nagios scored an average rating of 4.3.

Portanto, é seguro dizer que, quanto à interface, não há um vencedor claro. As duas soluções estão empatadas em primeiro lugar.

prtg vs nagios

2. Suporte

Vamos ver como os usuários classificam o Paessler PRTG e o Nagios em termos de suporte ao cliente em todas as plataformas:

  1. G2: Paessler PRTG received an average rating of 8.4 with 55 user reviews on G2. Nagios XI received an average rating of 8.8 with 38 user reviews.
  2. Gartner: Paessler PRTG received a 4.5/5 overall rating with 397 user reviews on Gartner. Nagios XI received a 4.3 out of 5 overall rating with 167 user reviews.
  3. Capterra: Paessler PRTG received a 4.3/5 overall rating with 143 user reviews on Capterra. Nagios XI received a 4/5 overall rating with 35 user reviews.

Escolhendo o vencedor

Se acompanharmos de perto, podemos ver um padrão claro emergindo: ambos têm quase a mesma classificação. Mas, o que é importante observar de perto é que a Paessler consegue marcar isso com um grupo maior de usuários. Em comparação, o Nagios XI obtém a mesma classificação, mas com menos usuários.

É essencial ter isso em mente porque as classificações dos usuários são geralmente afetadas pela quantidade. Então isso significa que o PRTG é melhor? Bem, uma coisa é clara: ambos têm alto nível de suporte ao cliente.

Mas se o suporte ao cliente oportuno for essencial para o seu negócio, pode ser aconselhável optar pela solução com mais classificações de usuários, ou seja, Paessler PRTG.

3. Preço

Paessler PRTG

O preço é dividido em vários pacotes. Os custos variam dependendo do tamanho do seu ambiente. Os preços começam em US$ 1799, incluindo 50 dispositivos. Há também uma avaliação gratuita de 30 dias incluída.

Nagios XI

O preço é dividido em 2 pacotes: 1. Standard Edition 2. Enterprise Edition. A Standard custa US$ 1995, e é a opção mais barata disponível.

Além disso, há uma terceira opção disponível: as licenças educacionais. Mas, não é adequado para empresas. A licença educacional destina-se a estudantes universitários, concedida apenas se o usuário for estudante.

Escolhendo o vencedor

É claro que o Paessler PRTG é a opção mais barata. E olhando mais de perto, você verá que ambos têm ofertas de serviços semelhantes em seus pacotes padrão. Portanto, para empresas que podem ter o preço como sua principal prioridade, o Paessler PRTG parece ser a melhor escolha.

4. Setup

Vamos ver como os usuários classificam o Paessler PRTG e o Nagios em termos de facilidade de configuração nas plataformas:

  1. G2: Paessler PRTG received an average rating of 8.3 with 47 user reviews on G2. Nagios XI received an average rating of 5.2 with 7 user reviews.
  2. Gartner: Paessler PRTG received a 4.6/5 overall rating with 397 user reviews on Gartner. Nagios XI received a 4.2 out of 5 overall rating with 167 user reviews.

Escolhendo o vencedor

Com base nas avaliações de usuários do G2 e do Gartner, especificamente sobre a facilidade de configuração, fica claro que o Paessler PRTG é o vencedor. Na verdade, você verá uma grande diferença entre as classificações dos dois.

Após pesquisas adicionais, onde analisamos avaliações específicas de usuários, fica claro que há um problema com o Nagios XI. Os usuários não gostam de como é difícil configurar o Nagios XI. Como disse um usuário:

Como outro usuário disse:

Para usuários que consideram a facilidade de configuração uma prioridade, o Paessler PRTG é o vencedor.
Para usuários que consideram a facilidade de configuração uma prioridade, o Paessler PRTG é o vencedor claro. Fonte
Baixe a versão completa por 30 dias

Tomando a decisão final: Nagios XI x Paessler PRTG

Se você fez todo o caminho, fica bem claro que o Paessler PRTG é o vencedor. Ambos estão empatados em primeiro lugar em várias frentes, como suporte ao cliente e interface do usuário (UI). Mas em outros aspectos, como facilidade de configuração e preço, o Paessler PRTG é o vencedor claro. Isso acaba inclinando a decisão a favor da Paessler PRTG.

Além disso, um ponto importante é que os usuários claramente têm um problema com o processo de configuração do Nagios XI. Há um padrão de reclamações sugerindo ser muito difícil configurar. Em comparação, o Paessler PRTG possui um processo de configuração suave e fácil. Embora a decisão seja sua, as avaliações de usuários em várias plataformas de terceiros mostram uma imagem clara.

FacebookTwitterLinkedIn